Google+ 27º BPM/I: 04/01/2016 - 05/01/2016

sexta-feira, 29 de abril de 2016

POLICIAL MILITAR REALIZA CAMPANHA PÁSCOA FELIZ EM BARRA BONITA E IGARAÇU DO TIETÊ

         Há mais de 16 (dezesseis) anos, o Cabo Enzo  promove campanhas junto à sociedade carente de Barra bonita e Igaraçu do Tietê e neste ano não foi diferente, nesta páscoa, arrecadou junto ao comércio e sociedade cerca de 200 (duzentos) ovos de chocolate e distribuiu às crianças da zona rural das duas cidades.



      O Cabo Enzo não mede esforços para realizar tais ações e faz questão de que datas como páscoa, natal e dia das crianças não passem em branco para pessoas que possivelmente nada receberiam se não fosse pela doação e caridade das pessoas envolvidas nessas ações.
       A atitude do Cabo Enzo foi alvo de elogios e agradecimentos nas redes sociais e imprensa em geral, sendo veiculada matéria sobre a campanha na TV TEM Bauru.

Recorte do jornal Mais de Igaraçu do Tietê com matéria sobre a campanha


       

28 DE ABRIL, UM DIA DE MUITAS HISTÓRIAS - TEXTO ENVIADO PELO PRESIDENTE DO NÚCLEO DO MMDC DE JAÚ

    
     O dia de hoje é de muita festa para nossa cidade, pois se comemora mais um aniversário de Travessia do Atlântico Sul feita por João Ribeiro de Barros e sua tripulação do Hidroavião Jahu, realizada em 28 – abr – 1927.

     Mas, há indissolúvel ligação entre essa travessia e a Força Pública (FP) do Estado de São Paulo, atual Polícia Militar.

     Entre os que aqui chegaram vitoriosos dessa proeza internacional, estava o Tenente Aviador João Negrão, membro desta nossa heroica Corporação, que, à época, detinha a soberania dos ares brasileiros.

     Com a exclusão do copiloto Artur Cunha da equipe do Jahu, João Negrão foi enviado para ajudar João Ribeiro de Barros, em Cabo Verde, pelo Comandante Geral da Corporação, Cel Pedro Dias de Campos.

     Na ocasião do Reide Genova-Santo Amaro, João Negrão era apenas Tenente. Durante a Revolução Constitucionalista de 1932, atuou como Capitão.

     Com a patente de Coronel, chefiou a Casa Civil do governo paulista. Glória ao grande soldado da Milícia Paulista, também incluso na história da nossa cidade.

     A OUTRA COMEMORAÇÃO DO DIA DE HOJE, e mais ligada à Revolução Constitucionalista de 1932 é que, quatro anos depois do Reide Genova-Santo Amaro, nesse mesmo dia de 28 de abril de 1931, esta Gloriosa Corporação Estadual se rebelava contra os desmandos que ela e o povo paulista sofriam do governo provisório de Getúlio Vargas.

     Para o seu quase aniquilamento:

1- Foi criado um cargo acima do seu Comandante – o de Inspetor Geral – ocupado inicialmente pelo Gal. Miguel Costa, que depois viria ser Secretário da Segurança quando esse cargo foi criado.

2- Os oficiais de carreira, formados aqui dentro, foram apeados dos seus cargos e substituídos por “alienígenas” de confiança dos mandatários do novo governo.

3-Instituiu-se, dentro da FP, os famosos “grupos de combate”, treinados para serem guarda-costas dos mandatários do Estado.

4-Acabou-se com a aviação da FP, levando os seus aviões para o Rio de Janeiro.

5-Acabou-se com a sua artilharia usada na Revolução dos Farrapos e na Guerra do Paraguai.

     Com tantos desmandos e humilhações, a Corporação rebelou-se com a finalidade de destituir o Gal Miguel Costa e o interventor João Alberto Lins de Barros e, desta forma, exigir, de Getúlio, um paulista de proa para interventor e a volta dos costumes e tradições da Corporação.

     Mas teve também o seu Calabar.

     A revolta já tinha se iniciado quando foi abortada pelo seu próprio comandante, Cel Joviano Brandão, em conluio com o Inspetor Gal. Miguel Costa.

     Os oficiais revoltosos foram presos.

    Dentre eles estavam muitos dos que seriam nossos grandes comandantes na Revolução Constitucionalista do ano seguinte como:

- os Coronéis Júlio de Marcondes Salgado e Benvindo de Mello;
- o Major Teófilo Ramos;
- os Capitães Romão Gomes, Heliodoro da Rocha Marques, Sebastião Amaral, Antonio Pietcher e João Rodrigues Bio;
- os Tenentes Cândido Bravo, Antonio da Silva Dias e João Batista Tavares.

     Só foram anistiados no final de julho, com a posse do novo interventor, Laudo de Camargo.

     Esse episódio, tão importante na história do Brasil é muito pouco lembrando, mas é um marco histórico da corporação que ousou desafiar aqueles que queriam transformá-la, como disse o Cap. Heliodoro na Rocha Marques, “em guarda pretoriana dos dominadores de São Paulo”.

     Se a data dessa revolta pode ser difícil de ser guardada pelas cidades paulista, para Jahu não se corre esse perigo: coincide com a travessia do Atlântico feita pelo nosso herói maior João Ribeiro de Barros, associado a Vasco Cinquini, Newton Braga e João Negrão.

     Para nós jahuenses, essa coincidência é salutar, pois une civis e militares que fizeram a nossa História.

    À Polícia Militar do Estado de São Paulo, o abraço fraternal dos amigos do MMDC.

     Tudo pelo Brasil!



     Jahu, 28 de abril de 2016.


            Antonio Fernando Reginato
    Presidente do Núcleo do MMDC de Jaú




quinta-feira, 28 de abril de 2016

BATALHÃO REALIZA 5ª EDIÇÃO DO PASSEIO CICLÍSTICO

     No domingo dia 10 de Abril de 2016 o Batalhão realizou a quinta edição do tradicional passeio ciclístico em nossa cidade.



Visão geral do evento








      Além de ser um evento comemorativo, voltado à prática da atividade física e consequente valorização da qualidade de vida, contamos com o cunho solidário de todos participantes, que realizaram suas inscrições doando alimentos e leite para serem encaminhados à instituições de caridade.


Visão geral do evento


Equipe do setor de Comunicação Social do Batalhão, Cap Eurico, CB Tofoli e Sgt Gasparotto 











Três (03) bicicletas foram sorteadas no evento

Maj Pistori e família com Cap Eurico


Cap Eurico e Sgt Gasparotto durante entrega dos alimentos aos representantes das entidades, Nosso Lar e Abrigo São Vicente com cobertura do Sbt (Noticidade), Rafaela Hernandez


PROCURADO PELA JUSTIÇA É PRESO PELA POLÍCIA MILITAR POR TRÁFICO DE DROGAS E POSSE ILEGAL DE ARMA DE FOGO DE USO RESTRITO

             Na tarde do dia 25 de abril de 2016 (segunda-feira), policiais militares da Força Tática do 27º BPM/I capturaram um indivíduo procurado pela justiça em Igaraçu do Tietê.
          Em posse do mandado de prisão contra W. B. F., os patrulheiros abordaram o foragido e, como era de conhecimento dos policiais que ele possuía armas de fogo, realizaram uma busca em sua residência, onde localizaram 02 revólveres, sendo um calibre 38 e outro calibre 22, 01 carregador de pistola 765, 02 aparelhos de pontaria (luneta), munições de vários calibres, porções de cocaína e maconha, facas, além de vários galões de defensivo agrícola e embalagens para acondicionamento e tráfico de drogas (369 eppendorfs).


Material apreendido 

Material apreendido


CANAL DO YOUTUBE